02/07/2018
Samu realiza curso de formação para novos condutores e técnicos
A capacitação é um pré-requisito essencial para atuar no transporte de passageiros, enfermos e vítimas de acidentes de trânsito. Dez novos condutores e sete técnicos que vão integrar a equipe do Serviço de Atendimento Móvel (Samu)
Dez novos condutores e sete técnicos que vão integrar a equipe do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) da capital passaram por três dias de treinamento, que finalizou na última sexta-feira (29) com uma prova para testar os conhecimentos adquiridos durante as 30 horas de capacitação prática e teórica.

O curso, com base no atendimento pré-hospitalar básico (APH), foi ministrado pelo Núcleo de Educação Permanente (NEP) do Samu. A capacitação é um pré-requisito essencial para atuar no transporte de passageiros, enfermos e vítimas de acidentes de trânsito.

Durante o curso eles aprenderam como conduzir veículos de emergência, atendimento a pessoa com parada cardiorrespiratória, assistência ao parto, ao recém-nascido e a criança, e a vítima de politraumatismo, entre outros atendimentos de emergência.

“Essa qualificação é muito importante no auxílio para resgate dos pacientes em nossas ambulâncias de suporte básico ou avançado, e assim prestar um melhor atendimento a população”, explicou Mara Bastos, enfermeira do Samu.

A gerente do Samu, Marta Cavalcante, explicou que a frota de veículos do Samu foi renovada e agora, com os novos técnicos e condutores, o quadro de recursos humanos ficará completo. Todos os servidores pertencem à Secretaria Municipal da Saúde (Semusa).

De acordo com o Ministério da Saúde, para dirigir as USB e USA, os profissionais precisam ser maiores de 21 anos, ter CNH com a categoria D e o curso para condução de veículos de emergência.






 

Fonte: PMPV