05/06/2018
Em protesto, trabalhadores montam acampamento na Justiça do Trabalho para garantir andamento rápido de processo sobre rescisão
A manifestação foi aprovada na semana passada pelos mais de 800 trabalhadores que até hoje não receberam um real dos direitos trabalhistas. O Jornal Notícias RO tentou contato com o TRT, mas não obtive resposta.


Os ex-funcionários das empresas Três Marias e Rio Madeira que formavam o antigo consórcio do transporte coletivo da capital iniciaram hoje um acampamento nos arredores da Justiça do Trabalho, em Porto Velho.

A manifestação foi aprovada na semana passada pelos mais de 800 trabalhadores que até hoje não receberam um real dos direitos trabalhistas.

O caso se arrasta desde que a prefeitura, na época comandada por Mauro Nazif (PSB), resolveu romper o contrato com o antigo consórcio. Desde então os trabalhadores lutam na justiça para receber seus direitos, numa questão que vai entrado para o terceiro ano sem nenhuma resposta concreta.

O Jornal Notícias RO tentou contato com o TRT, mas não obtivemos resposta.






 

Fonte: Redação Notícias RO