31/05/2018
Pré-candidato pelo Novo, Amoêdo defende privatização total e prevê 10 ministérios
João Amoêdo, 55, pré-candidato à Presidência pelo Partido Novo, diz ser favorável à privatização total das estatais e do encolhimento para dez no número de ministérios.
João Amoêdo, 55, pré-candidato à Presidência pelo Partido Novo, diz ser favorável à privatização total das estatais e do encolhimento para dez no número de ministérios.

"O Brasil não precisa de um Estado grande porque é pobre. É justamente o contrário disso", disse o ex-executivo do mercado financeiro em entrevista à TV Folha.

Com 1% das intenções voto segundo o Datafolha, Amoêdo aposta também na eleição para deputados federais a fim de fortalecer seu partido, que terá cerca de 360 candidatos em 18 Estados.


Veja a entrevista completa:

 


+Entrevistas com pré-candidatos

Vera Lúcia, pré-candidata pelo PSTU, quer desapropriar 100 empresas


Boulos faz aceno a petistas e diz que Lula sofre injustiça


Ciro diz ter pena de Gleisi e que PT faz burrice

Manuela defende fim da prisão após 2ª instância e mais Estado na economia

Estado perdulário deve acabar, diz Marina

MST e MTST são 'terroristas', diz Flávio Rocha, pré-candidato do PRB

País precisa acabar com feudos públicos e privados, diz Maia

Adversários colocam país em risco, diz Henrique Meirelles





 

Fonte: Folha de São Paulo