23/04/2018
Patamo da COE recaptura quatro foragidos, apreende duas armas de fogo e manda três por tráfico para a Divisão de Flagrantes
As guarnições do Patamo realizaram diversas abordagens, dentro da operação Saturação e prenderam três elementos acusados de tráfico, apreenderam duas armas de fogo e recapturaram quatro foragidos da Justiça.
Na última sexta-feira (20), as guarnições do Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) da Companhia de Operações Especiais (COE), realizaram diversas abordagens, dentro da operação Saturação e prenderam três elementos acusados de tráfico, apreenderam duas armas de fogo e recapturaram quatro foragidos da Justiça.

A guarnição de Patamo composta pelos policiais militares sargento PM Cordelier, soldados PM Cória, Costa Silva e Toscano em patrulhamento tático pelo Bairro Monte Sinai, recebeu informações de populares que havia um foragido da Justiça de alcunha Marquito que estaria armado e acabara de efetuar um roubo na Zona Sul.

Diante das informações a guarnição intensificou o patrulhamento na região localizou   Eduardo Conceição de Oliveira, acusado, na Rua Nova Israel em frente a um barraco sem número. De pronto foi dada voz de parada e procedido busca pessoal.

A PM encontrou no barraco um rifle calibre 22 que ele confirmou ser de sua propriedade. Disse ainda que comprou por R$ 500 reais para efetuar roubos. Informo ainda que está com Mandado de Prisão em aberto pelo art.157 e tem várias passagens pelo sistema por furto, roubo e porte de arma de fogo.

Ele foi conduzido a Divisão de Flagrantes.

Nome falso

A Patamo 02, composta pelos policiais militares sargento PM Evan, cabo PM Rafael, soldados PM Jaime, F. Monteiro, em patrulhamento pelo bairro Ulisses Guimarães avistou o suspeitos que apresentou nervosismo ao notar a viatura policial. Dada a voz de parada e realizada a abordagem, nada de ilícito foi localizado e o suspeito se identificou com o nome de João Pedro Araújo, porém não apresentou nenhum documento pessoal.

Como já é conhecido das guarnições policiais e em consulta ao álbum do sistema penitenciário foi possível identificar sua verdadeira identidade, sendo Andre Domingos dos Santos que em pesquisa ao BNMP – Banco Nacional de Mandados de Prisão, consta em aberto em seu desfavor um Mandado de Prisão. Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao conduzido, informado seus direitos constitucionais e apresentado na central de polícia.

Na praça

A guarnição de Patamo composta pelos policiais militares sargento PM Cordelier, soldados PM Cória, Costa Silva e Toscano, em patrulhamento Tático pelo Bairro Cohab, recebeu informações de populares que na Praça Poliesportiva da Jatuarana com a Rua Sucupira estava havendo grande comércio de entorpecentes ao ar livre.

Os policiais foram ao local e viram quando o acusado tentou correr jogando duas porções de substância entorpecente ao chão aparentando ser maconha. Ele disse aos policiais militares que ria vender as porções por R$ 200 reais. Confirmou também que havia mais droga em sua residência. Lá foram encontradas mais cinco porções de substância entorpecente aparentando ser maconha, uma balança de precisão e papel filme utilizado para embalar a entorpecente. Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao suspeito, dito seus direitos constitucionais e apresentado a esta Central de Flagrantes para as medidas legais cabíveis pela autoridade policial de plantão.

Comércio

A Patamo 02, composta pelos policiais militares sargento PM Evan, cabo PM Rafael, soldados PM Jaime, F. Monteiro, em patrulhamento pelo Bairro JK lll, recebeu várias denúncias que em uma boca de fumo localizada na Rua Idalva Fraga Moreira com Francisco Barbosa de Souza, havia vários indivíduos fazendo endolamento e comércio de drogas.

A guarnição com o apoio do Patamo 03, surpreendeu o suspeito Bruno na frente da residência no momento que ia vender duas porções de entorpecente do tipo maconha para um menor e Fábio Henrique. Antes tentou correr para dentro da casa, mas foi detido e localizado o entorpecente com ele. Simultaneamente, foram detidos ma residência os suspeitos Wesllei e Welison, além do infrator Ismael, fazendo o endolamento da entorpecente.

Em uma área externa a PM apreendeu papel filme, plásticos transparente, tesoura, além de uma balança de precisão. Foram localizados ainda mais nove tabletes pequenos de Maconha. Dentro da residência foi detida uma mulher por nome Rosa, que seria a dona da residência, onde foram feitas buscas e localizado em um armário mais três tabletes de maconha.

No quarto da Rosa foi localizado R$ 214,00 e com um menor infrator R$ 146,00 em espécie, todo o dinheiro com as características do tráfico de drogas. Diante dos fatos foi dada voz de prisão aos conduzidos e apreensão ao infrator, ditos seus direitos constitucionais e apresentados na central de polícia para medidas cabíveis.





 

Fonte: PM/RO