21/09/2017
Comarca de Guajará-Mirim promove 1º Casamento Comunitário com a união de 130 casais
A iniciativa atende principalmente pessoas carentes, sem benefícios assistenciais e condições financeiras para arcar com as despesas da documentação exigida pelos cartórios. As inscrições encerraram em julho.
A comarca de Guajará-Mirim sediará o 1º casamento comunitário no dia 23 de setembro. A previsão é que 130 casais fortaleçam os laços na forma da Lei. O projeto teve iniciativa totalmente gratuita e pretende se estender para outras edições.

De acordo com a magistrada titular da 1º Vara Cível, Karina Miguel Sobral, que também é corregedora permanente dos cartórios extrajudiciais, o objetivo do projeto é promover o processo de habilitação extrajudicial para a realização de casamento civil e religioso com efeitos civis.

“Há muitas pessoas com vontade de legalizar a união, mas que não o fazem por falta de condições financeiras e acabam vendo nesta oportunidade a chance de concretizar um sonho”, pontuou a magistrada.

De acordo com a juíza, o casamento comunitário contará com parceiros como o Ministério Público do Estado de Rondônia (MP-RO), que vai ceder o cerimonial e o delegatário para a cerimônia. Um DJ e a banda do exército também estão previstos.

A iniciativa atende principalmente pessoas carentes, sem benefícios assistenciais e condições financeiras para arcar com as despesas da documentação exigida pelos cartórios. As inscrições encerraram em julho.

A união civil possibilita o reconhecimento da relação matrimonial sob a forma da Lei e auxilia o casal no reconhecimento de direitos e deveres junto a órgãos públicos e privados. 






 

Fonte: TJ/RO