03/08/2017
Poeira e lama geram transtorno e são alvos de reclamações na Zona Sul de Porto Velho
A causa dos problemas é uma obra de infraestrutura da Companhia de Água e Esgoto de Rondônia (Caerd) que começa na extensão da rua Santa Catarina e segue até a rua das Flores, no bairro Floresta. A preocupação da população é que a Caerd não faça o recapeamento da área que teve o asfalto danificado.

Essa é a rua das Flores, no bairro Floresta, Zona Sul de Porto Velho. Apesar do nome que remete a uma coisa boa a rua poderia se chamar Rua do lamaçal ou rua da poeira. 

A causa de tanta poeira e lama, que é motivo de reclamação por parte da população, é uma obra de infraestrutura da Companhia de Água e Esgoto de Rondônia (Caerd) que começa na extensão da rua Santa Catarina e segue até a rua das Flores. 

Você que está assistindo deve está imaginando qual seria a reclamação uma vez que a obra é para melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, bem a preocupação é que a Caerd não faça o recapeamento da área que teve o asfalto danificado. 

Para quem tem comércio na região a situação é complicada. 

O presidente da Associação de Moradores do Bairro Floresta pede um posicionamento das autoridades competentes. 

Por meio de nota a prefeitura de Porto Velho confirmou que as obras no trecho fazem parte do planejamento conjunto anunciado no começo do mês de julho e deu um prazo de 30 para fazer o recapeamento. A Caerd não respondeu a nossa produção.






 

Fonte: Redação Notícias RO